Menu
iFood News

iFood reforça ações em prol da segurança e bem-estar de entregadores e clientes

Tecnologias de autenticação de identidade são reforçadas e empresa lança campanha #EntregadoresReais com o intuito de reforçar a comunicação com parceiros e sociedade a respeito dos entregadores 

PorRedação

31/05/2022 12h57


iFood reforça ações em prol da segurança e bem-estar de entregadores e clientes

Como empresa brasileira e ciente do seu papel de gerar a melhor experiência para todo o seu ecossistema, o iFood tem atuado proativamente na validação da identidade dos seus entregadores parceiros e avançado no diálogo com associações de moradores e consumidores para proteger e assegurar o trabalho dos reais entregadores que atuam pelas ruas. 

Dentre as medidas para contribuir com a segurança, a foodtech líder da América Latina reforça um de seus procedimentos de segurança mais importantes: a verificação OCR, tecnologia que permite verificar se a pessoa da foto é a mesma pessoa do documento apresentado. Além disso, para garantir a legitimidade dos dados fornecidos pelos entregadores durante a etapa de cadastro na plataforma e permitir que continuem gerando ganhos para as suas famílias e para a sociedade, também foram reforçados o processo e a validação das informações pessoais informadas pelo entregador. 

Hoje, o iFood realiza três análises para a liberação na plataforma, para que não haja o uso indevido de contas. Periodicamente, ainda é ativada uma ferramenta de reconhecimento facial como medida de segurança adicional para proteger o entregador em nossa plataforma e coibir o aluguel e o empréstimo da conta.

“O iFood tem 200 mil entregadores, alguns que vivem exclusivamente da entrega e outros que utilizam a plataforma para complementar sua renda. Eles estão fazendo o seu trabalho de forma honesta para levar renda às suas famílias. É muito importante a distinção desses profissionais de criminosos que se aproveitam da imagem dos entregadores. Não vamos deixar que essa profissão seja ainda mais marginalizada. O iFood quer que os Entregadores Reais possam ser facilmente identificados para coibir e dificultar qualquer tentativa de uso da imagem da categoria que possa prejudicá-los”, diz Claudia Storch, Diretora de Logística do iFood.

O iFood está veiculando  campanhas de comunicação para os entregadores parceiros para ajudar na segurança. Além disso, a empresa realiza estudos para mudanças em suas bags com intuito de dificultar as falsificações e o uso indevido. Também serão reforçados alertas sobre os riscos de realizar empréstimos de contas, uma atitude que é proibida no aplicativo e pode resultar no descadastramento da plataforma. Para a própria segurança dos entregadores e acesso à proteção dos seguros que o iFood oferece, é fundamental que cada entregador utilize sua própria conta.

“O iFood está junto com os entregadores reais e também conta com o apoio desses parceiros, que precisam usar seu cadastro na plataforma de forma responsável. Não emprestar ou alugar sua conta e seguir os demais termos de uso da plataforma são boas práticas essenciais”, reforça Claudia. 

Além dessas ações, o iFood reforça que no App do Entregador há um Canal de Denúncia disponível para que os entregadores parceiros reais possam informar de maneira segura qualquer irregularidade que tenham conhecimento.

Desde o fim de 2021, o iFood vem realizando encontros recorrentes com os entregadores parceiros da plataforma para ouvir suas demandas e entender o que pode melhorar ainda mais nessa relação. O primeiro evento ocorreu em dezembro de 2021, conhecido como o 1º Fórum Nacional dos Entregadores. A partir de então, outros cinco encontros regionais ocorreram. As cidades que receberam o evento Voz dos Entregadores até o momento foram Recife (PE), Fortaleza (CE), Ribeirão Preto (SP), Salvador (BA) e Sorocaba (SP).

“Eu senti que todos nós fomos ouvidos. Hoje, me senti valorizada pelo iFood”, comenta Ingrid da Silva, 24, parceira do iFood há quase dois anos que esteve presente no Voz dos Entregadores: Escuta Recife.

Além de ouvir os entregadores parceiros, a empresa também tem ampliado o processo de escuta com associações de bairros para a troca de informações e mapeamento de oportunidades de melhorias para a plataforma. O objetivo é criar um plano de trabalho conjunto para beneficiar a todos com mais segurança para entregadores, restaurantes e clientes que utilizam a tecnologia.